A empresa de e-scooter da Ford está saindo de qualquer cidade que não limite a competição

No futuro, a Spin planeja operar em ‘mercados de fornecedores limitados’

A Spin, empresa de e-scooter de propriedade da Ford, anunciou uma grande reestruturação na sexta-feira, onde sairá de “quase todos os mercados de licenças abertos”. Mais especificamente, a Spin está começando a sair de “alguns” mercados nos Estados Unidos, Alemanha e Portugal, e está “projetando” fechar as portas na Espanha já em fevereiro.

No futuro, a Spin diz que se concentrará em “mercados de fornecedores limitados”, onde apenas um número designado de empresas de scooters pode competir em um local, nos EUA, Canadá e Reino Unido. A Spin vê “o dobro da receita por veículo” em mercados de fornecedores limitados, de acordo com Ben Bear, CEO da Spin.

“Esta decisão de reestruturação afeta cerca de um quarto do nosso quadro de funcionários”

“Esta decisão de reestruturar afeta cerca de um quarto de nossa equipe”, disse Bear, o que parece significar que eles serão demitidos. Bear disse que a Spin oferecerá pacotes de indenização para “funcionários afetados”, juntamente com “uma bolsa adicional que pode ser alocada para serviços de recolocação”. Ele acrescentou que os funcionários que receberam laptops da empresa poderão mantê-los.

O Bear reclamou dos “mercados de licenças abertos”, que permitem que várias empresas de scooters operem em um mercado. Eles aparentemente provaram uma forte concorrência para a Spin. Bear disse que a dinâmica do mercado “torna difícil identificar um caminho claro para a lucratividade”.

A Spin foi adquirida pela Ford em 2018. A empresa anunciou um plano de expansão agressivo em 2019 e expandiu para a Europa em 2020. Após o anúncio de sexta-feira, porém, parece que a empresa está mudando seu foco para o futuro imediato.

#tecnologia #tecnologia #tecnologia #tecnologia #transporte #bicicletas #patinetes #notícias

John Doe

Curioso e apaixonado por tecnologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *