George Takei narra o tempo em um campo de internamento nipo-americano da segunda guerra mundial em história em quadrinhos

George Takei – mais conhecido por dar origem ao papel do timoneiro Hikaru Sulu na série e filmes originais de Star Trek – assinou um contrato com a IDW Publishing para contar a história dos campos de internamento nipo-americanos da era da Segunda Guerra Mundial em uma nova história em quadrinhos focando na vida de Takei.

Takei tinha cinco anos quando ele e sua família foram forçados a um campo de internamento devido à Ordem Executiva 9066 do presidente Roosevelt, que realocou e prendeu mais de 120.000 cidadãos nipo-americanos após o ataque a Pearl Harbor. A história em quadrinhos de Takei contará a história do tempo de sua família nos campos, bem como as consequências e o efeito desses eventos em sua vida e carreira.

Takei tem falado com frequência sobre o tempo que sua família passou nos campos e estrelou o musical da Broadway Allegiance, sobre a lealdade dos nipo-americanos durante a Segunda Guerra Mundial. A história em quadrinhos é o próximo passo para contar a história de sua própria perspectiva. Takei diz que “reconheceu o valor em torná-lo facilmente acessível para nossos jovens descobrirem e digerirem o material, chamando a atenção para uma questão importante e relevante, ao mesmo tempo que a preserva para as gerações futuras”. Essa conversa tem surgido com mais frequência nos últimos meses, quando o ator repetidamente chama Donald Trump sobre questões como a proposta de proibição de viagens aos muçulmanos. Ele descreveu o presidente como “totalmente ignorante” por não aprender as lições dos campos de internamento, o que Takei enfaticamente insiste que nunca deve acontecer novamente.

A IDW ainda não anunciou um artista, mas Justin Eisinger e Steven Scott ficarão encarregados de fazer o roteiro da história em quadrinhos, com lançamento planejado para 2018.

#tecnologia #tecnologia #tecnologia

John Doe

Curioso e apaixonado por tecnologia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.